EN
24/08/2018 - Fonte: Pop Now | SP

Tribalistas anunciam encerramento de turnê nacional em show no Rio

A turnê inédita dos Tribalistas começou por Salvador, no dia 28 de julho, na Arena Fonte Nova. Seguiu para o Rio de Janeiro (3 e 4 de agosto, Marina da Glória), Recife (10 de agosto, Centro de Convenções), Fortaleza (11 de agosto, Centro de Formação Olímpica), São Paulo (18 de agosto, Allianz Parque), Porto Alegre (24 de agosto, Arena Beira Rio), Curitiba (25 de agosto, Pedreira Paulo Leminski), Brasília (1 de setembro, Arena Mané Garrincha) e Belo Horizonte (7 de setembro, Esplanada do Mineirão). Cher divulga "SOS", nova música do álbum de covers do ABBA Nos 15 anos que separam o primeiro do segundo álbum, os Tribalistas incluíram em seus shows solos canções que se tornaram sucesso nacional e internacional, como "Passe em Casa", "Velha Infância" e "Já Sei Namorar". Essas e outras de ambos os discos formam a base do roteiro do show dirigido por Arnaldo Antunes, Carlinhos Brown, Marisa Monte e Leonardo Netto, que também terá parcerias do trio gravadas por outros artistas ou por eles mesmos em outros projetos. A banda será formada por Dadi Carvalho (baixo, guitarra, bandolim e teclados), Pedro Baby (violão e guitarra), Pretinho da Serrinha (cavaquinho) e Marcelo Costa (bateria). Batman Zavareze, responsável pelo Festival Multiplicidade e pela direção de arte do impactante show "Verdade Uma Ilusão" de Marisa, criou o cenário da turnê unindo música, arte e tecnologia. A carioca Marisa, o paulista Arnaldo e o baiano Carlinhos moram cada um em sua cidade de origem, o que torna raro se encontrarem fisicamente para compor. A escolha de Salvador para lançamento da turnê foi apropriada. Foi lá que o projeto Tribalistas nasceu quando Brown produzia com Alê Siqueira o álbum Paradeiro, de Arnaldo Antunes, em 2001. Convidada a participar da faixa-título, Marisa permaneceu na cidade com eles e dali nasceram quase duas dezenas de canções. Alê Siqueira assinou com eles a coprodução de ambos os álbuns pilotados por Marisa, que também contou com Daniel Carvalho no segundo. "Meu convívio criativo e afetivo com Marisa e Carlinhos é uma das fontes mais férteis que me nutrem. Cada encontro nosso, para compor, cantar, gravar, conversar ou dar risada, desperta uma energia muito inspiradora, que agora poderemos celebrar ao vivo com nosso público." - Arnaldo Antunes. O meio musical passou por grandes transformações nesses 15 anos. Com mais de 3 milhões de CDs vendidos no Brasil e no mundo sem fazer shows, os Tribalistas voltaram a surpreender com a inovadora iniciativa de lançamento do segundo álbum com uma transmissão ao vivo de grande impacto na fanpage dos três artistas, vista durante uma hora simultaneamente por 5,62 milhões de fãs em 52 países, em que apresentaram quatro canções: "Diáspora", "Um Só", "Fora da Memória" e "Aliança". "Minha maior expectativa é reencontrar os Tribalistas que estão além de Marisa, Arnaldo e eu, que é essa legião de pessoas que deu alma e ouvido ao nosso repertório nesses últimos 15 anos. Nós nos propomos a servir através da música e fazemos isso com tanta naturalidade e espontaneidade que o clima que criamos contagia a nós mesmos." - Carlinhos Brown. Lançado, em agosto de 2017, em CD e DVD pela Universal Music e nas plataformas digitais pela Altafonte, o álbum já é Disco de Ouro no Brasil e ganhou versão em vinil juntamente com o de 2002. "Estamos contando os dias para este encontro com os fãs ao vivo pela primeira vez. Dividir o palco com Carlinhos e Arnaldo é uma soma cujo resultado vai além de nós mesmos." - Marisa Monte.